castanha1A castanha é um alimento precioso para Hildegarda de Bingen. Em seus escritos, elas diz: “A castanheira é uma árvore quente e esse calor traz uma grande força (força vital, viriditas) pois ele simboliza a discreção (a medida justa, o caminho do meio) e tudo na castanheira, sobretudo seu fruto, é útil para combater qualquer fraqueza que o homem possua.”1

Toda pessoa que vai além daquilo que seu organismo suporta, seja através de suas atividades do dia-à-dia, do excesso de comida, do abuso de álcool ou ainda, do consumo de drogas se distancia da « medida justa».  Dessa falta de equilíbrio na vida, problemas de saúde como o cansaço, a fraqueza, a diminuição da bio-energia aparecem e podem levar à casos extremos como doenças mais graves, por exemplo.

O fígado é um orgão que intervém no metabolismo e mantém a vitalidade do organismo. Por isso, é importantíssimo cuidar dele com uma boa alimentação e um modo de vida são. A castanha é um alimento amigo do fígado.

A pessoa doente que quer recobrar a saúde deve aceitar seus limites e aprender à se amar. A pessoa quer ter uma boa saude deve sempre respeitar seu organismo e seu espírito. Esta é a base de uma saúde durável que não é sujeita à uma gangorra entre estar bem e estar doente e vice versa.

A castanha pode intervenir de uma maneira significativa na saúde do corpo e da alma. Graças às substâncias e à energia solar que ela acumulou em seu desenvolvimento, ela constitui um alimento completo e equilibrado que permite ao homem de « re-encontrar » seu carisma e sua resiliência.

No seu livro Physica2, Hildegarda recomenda as castanhas em todos os casos de fraqueza e imunodeficiência.

Embora ainda seja pouquíssimo divulgado, alguns estudos onde o paciente teve um alimentaçao à base de castanhas permitiu ao organismo que sofria de doenças graves tais como o câncer e a AIDS uma melhora em seu quadro clínico.3

Contudo, é importante lembrar que a castanha é um alimento extremamente calórico : 100g de castanha equivale à 3 pães, ou seja,  (724Kcal). Por essa razão, as pessoas que seguem um regime para perder peso devem consumi-la com discernimento e parcimônia.

🌰🌰🌰

 Notas:

  1. Traduzido livremente do francês : «Le châtaigner est très chaud et cette chaleur lui donne une grande force (force vitale, viriditas) parce qu’il symbolise la discretio (la juste mesure, le juste milieu) et tout en lui, y compris son fruit, est utile pour combattre toute faiblesse qui est en l’homme.»
  2. Physica ou Livro das Subtilidades das Criaturas Divinas (ainda não está traduzido para o português) é um dos diversos livros escritos por Hildegarda de Bingen. Se você quiser saber mais sobre este livro, veja em Bibliografia de Hildegarda ;
  3. Fonte : GUIBERT, François-Xavier (Dr Wighard Strehlow) - L'Art de Guérir par l'Alimentation selon Hildegarda de Bingen (pg 65);

castanha2As castanhas acima são conhecidas como marrons (Aesculus hippocastanum) na França e são muito utilizadas na cozinha européia. No Brasil, são conhecidas como castanhas portuguesas.

🌰🌰🌰

Este blog não se responsabiliza pelo uso indevido das informações aqui divulgadas. Use seu discernimento. Na dúvida, procure um naturopata, de preferência, especializado na Alimentação e Medicina de Hildegarda de Bingen para te aconselhar e/ou orientar.

Fonte: STREHLOW Wighard, L'Art de guérir par l'Alimentation selon Hildegarde de Bingen, Ed. François-Xavier de Guibert, 2009

IMG_8620